As novidades do VMware Fusion 11

A VMware disponibilizou recentemente o upgrade para os VMware Fusion 11 e VMware Fusion 11 Pro. Com capacidades de desenvolvimento de fluxos de trabalho e automação renovadas como foco, também foram melhoradas as funcionalidades de GPU, estabilidade e segurança, dando melhor performance ao programa que permite executar ambientes operacionais diferentes em um Mac.

Ambas as novas versões têm agora como padrão a Engine de Renderização Enhanced Metal Graphics nos hospedeiros suportados, também com compatibilidade para entregar o DirectX 10.1. Com Anti-Alias e módulos de Geometria, jogos e aplicativos que requerem DirectX 10.1, ou que retornam à essa versão vindos do DirectX 11 agora rodam em uma máquina virtual com Windows, 7, 8 ou 10.

VMware Fusion 11

O acesso ao inventário VM se tornou mais rápido com o novo menu de aplicativos, com mudanças nos modos de visualização, configurações ou inicialização de aplicativos com um único clique, podendo ainda o menu rodar com ou sem o Fusion, dando maior controle das VMs ao usuário.

Outro recurso é a função de busca no topo da janela VM, dando acesso à uma árvore das pastas, com opções de arrastar e soltar (ao arrastar o nome “VM” para um terminal ou qualquer campo de inserção de texto, o caminho do arquivo VM aparece.

VMware Fusion 11

Para MACs equipados usando novas funções contextuais para a biblioteca e janela VM, há a opção de customização da Touch Bar, customizando de acordo com a preferência do usuário.

A API de função REST também obteve melhorias na versão, com novos controles para configuração da Virtual Networking, como ligações Mac-IP DHCP, controle de NAT Port Forwarding e mais.

VMware Fusion 11

O VMware Fusion 11 (Pro também), pode se conectar rapidamente à qualquer máquina virtual Linux rodando como código aberto OpenSSH ou outro serviço compatível, com apenas um clique a partir da janela da biblioteca VM.

A interface do vSphere também melhorou muito, adicionalmente ao suporte do ESXi 6.7 e instalação do vCenter Server Appliance 6.7, agora é possível visualizar detalhes dos hospedeiros e cluster quando conectado a um ambiente vSphere. É possível visualizar os recursos por máquina virtual, hospedeiro ou cluster, dependendo da melhor opção para sua visualização do inventário no momento.

VMware Fusion 11

O programa agora utiliza a plataforma VMware Virtual Hardware 16, que contém muitas melhorias em segurança, performance, estabilidade e suporte aos Macs mais recentes, qualidades presentes no próprio Fusion como visto no início desse artigo. No HWv16 estão inclusos:

  • Performance virtual do dispositivo NVMe melhorada;
  • Reparos importantes de segurança para problemas como Spectre, Meltdown e L1TF;
  • Módulo de plataforma virtual confiável;
  • Boot de segurança UEFI;
  • IOMMU;
  • Suporte VBS para convidados.

Presente desde a versão 10, a limpeza de disco automática pode ser configurada para performar uma limpeza toda vez que a máquina virtual for desligada para economizar espaço em disco.

O VMware Fusion 11 agora também pode configurar uma rede virtual, incluindo limites de banda, perda de pacote e teste de latência para resiliência em ambientes com restrição de banda.

Fora as mudanças citadas, muitas ocorreram e não podem ser visualizadas, particularmente nos dispositivos virtuais NVMe, bastando mudar seu tipo de disco para NVMe para melhorar a performance em Macs equipados com SSDs. Reparos de segurança e mudanças na arquitetura para mitigar os problemas citados acima, Spectre, Meltdown e L1TF.

Quem pode fazer o upgrade?

Proprietários de versões 10, 8 e 8.5 são elegíveis para atualizarem suas versões de acordo com o preço de $ 49,99 (consultado no dia de redação dessa matéria), porém usuários que compraram sua versão de Fusion 10 a partir de 21 de Agosto de 2018 terão suas chaves automaticamente atualizadas na conta My VMware.

Caso você não tenha versões anteriores, o preço é de $ 79,99 (nas mesmas condições do preço anterior). Para adquirir ou fazer o upgrade, acesse este link.

Referência

Leia também...