60% de economia de banda com o Citrix Xenapp e Xendesktop 7.13 (HDX.NEXT)

A Citrix anunciou a evolução da tecnologia de entrega de aplicações e desktops virtuais (XenApp-XenDesktop) chamada HDX.next, esta nova era do XenApp-XenDesktop HDX reduz em até 60% o consumo da sua banda de internet.

Xenapp

Uma das principais atividades que buscamos realizar em nossa organização é a busca por como continuar otimizando a tecnologia de entrega remota que utilizamos. Grande parte da pesquisa desenvolvida envolve recolhimento de dados a partir de métricas como CPU, memória e largura de banda de rede, sendo estes os principais fatores. Estes dados, juntamente com a análise feita em seguida ao seu recolhimento, são vitais para ajudar a entender o que está acontecendo e trazer novas ideias que se transformam em novos algoritmos ou ajustes para os já existentes.

O uso de largura de banda é uma métrica na qual se deve prestar muita atenção, um contrato de largura de banda pequena significa menores custos, especialmente se você usa 4G/LTE ou paga por capacidade e estando cientes dos altos custos de banda no Brasil. Outro fator que indica a necessidade de levar a sério essa métrica é que sua organização pode obter mais usuários na mesma banda que contrata hoje. De qualquer forma, usar menos recursos significa que a perspectiva de custos é excelente, e, em uma banda menor, também pode melhorar a experiência do usuário, já que não precisamos enviar tantos dados para as mesmas atualizações de tela.

Normalmente, ao se tentar otimizar o consumo da banda de internet para um ambiente XenApp-XenDesktop, se ficaria muito feliz com uma redução de 5% e sem mudanças nas outras métricas, já 10%, se torna algo muito melhor, especialmente se toda a estrutura permanece a mesma!

Como qualquer melhoria é uma troca, melhor compressão significa maior consumo de CPU e memória. Basicamente, quanto mais tentamos espremer os dados, mais provável é que os usuários sejam espremidos.

E, finalmente, essa é a pergunta que se deve fazer ao buscar otimizar gráficos: como as alterações afetam a escalabilidade do servidor? Não vale a pena tentar economizar largura de banda se isso significa que seus usuários, ou pior, o orçamento de sua organização, serão prejudicados. Então, a seguir explicamos como é possível obter uma redução de largura de banda de até 60% para cargas de trabalho típicas de XenApp-XenDesktop:

Até 60% de redução na largura de banda para cargas de trabalho típicas de XenApp-XenDesktop, nenhuma perda de qualidade de imagem e o mesmo número, se não maior, de usuários no mesmo servidor!

Agora coloque esta redução de largura de banda junto com o Adaptive Transport (também alcançando a Disponibilidade Geral) e você tem um duplo Knockout: menos dados para enviar e uma camada de transporte que envia os dados para o outro lado mais rápido, tudo enquanto mantém a qualidade da imagem e potencialmente melhor escalabilidade.

A escalabilidade não é afetada e é, em alguns casos, inclusive otimizada.

Esse é provavelmente o resultado mais surpreendente, ao fazer melhorias na largura de banda também são realizadas algumas economias significativas de CPU, o que não significa uma diferença mensurável para a escalabilidade do servidor, pois há sempre outros fatores em jogo em um sistema multi-usuário e o componente HDX Graphics é apenas uma parte muito pequena disto.

Abaixo foram compartilhados alguns gráficos mostrando o uso total da largura de banda em toda a execução de carga de trabalho “TaskWorker” LoginVSI inteiro (mais detalhes deste teste aqui). Os gráficos mostram como o uso da largura de banda (ou seja, a quantidade de dados que o servidor está transmitindo) aumenta à medida que mais usuários fazem logon ao longo do tempo, com e sem as melhorias, exatamente no mesmo hardware.

Primeiro, gráfico usando o Windows 2012R2:

XenApp

 

Agora, gráfico usando o Windows Server 2016:

XenApp

 

Em todos os casos, a linha laranja (XenApp-XenDesktop HDX.Next) fica confortavelmente abaixo da linha azul (XenApp-XenDesktop HDX 7.12). Com o Windows Server 2016, o LoginVSI reportou 6% mais usuários conectados antes do sistema ficar saturado, tendo uma vitória dupla: mais usuários no mesmo servidor e utilizando muito menos banda.

Também testamos o XenDesktop com Windows 10.1 e vimos uma redução de 28% na largura de banda global, sem afetar a escalabilidade do servidor.

Agora a grande boa notícia: estes grandes avanços da tecnologia HDX já estão presentes na última atualização do XenApp-XenDesktop 7.13. Tudo será habilitado por padrão também, sem necessidade de configurar políticas ou registros do Windows.

Não espere demais para atualizar seu ambiente Citrix XenApp-XenDesktop para a última versão, consulte um especialista da EverIT para saber como.

Referência