Como escolher entre os modelos de licenciamento Citrix, usuário/dispositivo ou o concorrente?

Escolher a licença correta para o seu ambiente pode ser confuso, ainda mais com variações dentro da mesma marca, por isso , resolvemos falar um pouco sobre as formas de licenciamento Citrix. O licenciamento concorrente destina-se a uma conexão a uma área de trabalho virtual ou a aplicativos ilimitados para qualquer usuário e dispositivo, sendo consumida apenas durante a duração de uma sessão ativa, e se a sessão for desconectada ou terminada, a licença será verificada novamente no pool.

Já o licenciamento de usuário / dispositivo atribui a um usuário único ou a um dispositivo compartilhado, assim, se atribuído a um usuário, ele permite conexões ilimitadas desse único usuário a partir de dispositivos ilimitados. Se atribuído a um dispositivo, ele permite usuários ilimitados, conexões ilimitadas a partir desse único dispositivo.

Licenciamento Citrix

Mas quais as vantagens de cada um?

A licença de usuário/dispositivo tem preço muito inferior ao de uma licença concorrente e pode ser atraente para organizações que seguem um cronograma de trabalho tradicional, no qual vários indivíduos utilizam os ambientes simultaneamente. Se o Citrix XenApp/XenDesktop estiver configurado para o modelo de licença de usuário/dispositivo, o servidor de licenças Citrix precisará decidir se deseja atribuir a licença a um usuário ou a um dispositivo.

Assim, se um usuário faz login no ambiente da organização e inicia uma sessão, nesse momento, uma licença de usuário é consumida. Podem ser executadas várias sessões de XenDesktop que compartilhem o servidor de licenças e vários dispositivos, sem alterar o fato de ser uma licença de usuário.

Em outro caso, quando utilizado um cliente compartilhado no escritório, dois indivíduos podem usar o mesmo dispositivo para acessarem suas áreas de trabalho virtuais, assim, a Citrix determina esse cliente como dispositivo compartilhado e atribui uma licença de dispositivo. De acordo com esse conceito, poderia ter 50 funcionários acessando o mesmo dispositivo e consumir apenas uma licença do tipo.

A Citrix calcula o número total de licenças de usuário / dispositivo por meio da seguinte equação:

Nº de Licenças Usuário/Dispositivo = (nº de usuários no total) + (nº de dispositivos compartilhados) – (nº de usuários que acessam somente de um dispositivo compartilhado)

No entanto, é comum haver mistura de ambientes, com licenças de usuário e dispositivos operando juntas.

Já o licenciamento Citrix concorrente é uma licença compartilhada, o que significa que, se alguém tiver uma sessão ativa, ela usará uma licença simultânea. Se essa pessoa sair e outra pessoa fizer login, ainda será a mesma licença simultânea. A regra geral é optar pelo licenciamento simultâneo se você tiver um grupo de usuários que normalmente não precisará de uma sessão ativa durante todo o dia. Pense em usuários com funções em que eles precisam acessar uma sessão por algumas horas e, em seguida, outra pessoa pode precisar dela pelo resto do dia. Desde que o usuário finalize a sessão ativa, ele precisará apenas de uma licença.

Uma mesma licença desse tipo pode atender três usuários que trabalham um de manhã, outro à tarde e outro à noite, o que, no caso de um licenciamento Citrix por dispositivo/usuário exigiria 3 licenças do tipo. Assim, é necessário analisar o cenário da sua organização com calma e ciente das informações acima para tomar a melhor decisão.

Com dificuldades para tomar a melhor decisão? Você pode entrar em contato conosco através do botão abaixo e resolver essa e outras questões, ou acessar esse link da Lakeside e avaliar sua infraestrutura pela demonstração oferecida gratuitamente, que indica quais licenças devem ser contratadas.

Entrar em contato